Hora certa

Pesquisa personalizada

sexta-feira, outubro 30, 2009

Resgate precioso

Minha mãe teve uma vida difícil. Morando no sítio, precisava rachar lenha, tirar água do poço, assar pães no forno a lenha, tratar dos porcos, lavar roupa no tanque, pois não havia energia elétrica. Criou seus cinco filhos fazendo de tudo um pouco: carpiu, ajudou na colheita e na secagem do café. Também costurava nossas roupas na máquina de pedal. Íamos nas quermeces, viajámos para as casas do parentes com roupas novas. Ela sempre muito caprichosa com minhas roupas. As meninas tinham inveja de meus vestidos.

Apesar de ter estudado até a terceira série, sempre foi muito prendada, uma verdadeira artista, conforme pregava o manual da boa dona de casa de sua época. Ela me ensinou a fazer crochet, tricot e a bordar como ela fazia (para ser uma dona de casa multifuncional também)... Casou-se com dezoito anos. Como não havia pílulas, eu apareci logo. Preparou meu enxoval com todo carinho e capricho. Da mesma forma fez com os demais filhos. Atualmente, apesar de sentir muita falta, não pode mais se dedicar ao artesanato por que sofre de artrose. Sente muitas dores na coluna e seus dedos estão tortos. Somando-se a isso, anda com dificuldade por causa de protése nos dois joelhos, e uma prótese na bacia, porque teve uma fratura. Isso tudo não a impede de de fazer outros afazeres, como por exemplo cozinhar, fazer bolos, doces e pães.



Esses dias fui visitá-la e enquanto eu tomava um cafezinho, notei perto da garrafa de café um pano velho e macio. Abri e vi um bordado infantil. Ela me disse: "Este pano foi o primeiro vestido que você usou. Eu tinha dezenove anos quando o fiz. Era lindo" Notei que apesar da idade, cinquenta e oito anos, o bordado estava quase perfeito e as cores ainda estavam vivas. Decidi mostrá-lo no blog e espero que você consiga imaginar como era lindo o meu primeiro vestido!




13 comentários:

  1. ... como é gostoso e gratificante resgatar um passado...
    um passado de bençãos pelo que voce escreve...
    um verdadeiro testemunho para as familias de hoje.
    Deus as abençoe em graças e prosperidade.
    Amém

    ResponderExcluir
  2. Amiga, vc acabou de revelar aqui, o que todo mundo quer saber e não consegue: O que existe no fim do arco-íris????? São coisas assim, gratuitas, singelas e mais preciosas que ouro e riquezas, são essas pérolas que fazem valer a vida, a luta, isso é a essencia, é o que vale a pena, é o que não tem preço. Que delícia vc encontrar esse tesouro e ainda ter sua mãe para dar longo e terno abraço. BEijos para as duas.

    ResponderExcluir
  3. Amei esse pedacinho lindo e significativo de sua história, que compartisse conosco!
    Todas nós gostariamos de ter lembranças como essas... feito com carinho e esmero pela nossa mãe!
    Aproveite ao máximo sua mãe... Desfrute dessa joia rara!!!!!!.
    Que Deus as abençoe
    Um grande abraço em ambas

    ResponderExcluir
  4. Anônimo1/25/2010

    Obrigada por dividir conosco esta preciosidade. sou uma das avos que procurava o risco do sabia e vc me ajudou ja bordei de uma neta ja estou no da segunda e a terceira esta a caminho
    curta bastante sua mae
    que DEUS continue as abencoando
    abracos as duas
    zulma modesto

    ResponderExcluir
  5. Anônimo1/27/2010

    Precisas visitar mamãe por mais vezes...

    Parabéns!!!

    ResponderExcluir
  6. Terezinha, fiquei emocionada ao ver este bordado e ler esta historia... sua mãe merece sim esta homenagem... adorei a fotinho dela...
    bj

    ResponderExcluir
  7. Linda a historia de sua mãe um pouco parecida com a de minha mãe que infelizmente já não esta mais aqui entre nós...

    Beijos a voce e pra sua mãezinha.

    Dolores

    ResponderExcluir
  8. Um belo exemplo de vida ativa,q. não se deixa abater pelas dificuldades q. vão surgindo em nossa caminhada...
    Gostei mto de seu blog.
    T+,uma ótima semana pra vc.

    Ana.

    ResponderExcluir
  9. Sua historia me emocionou... Tem muita coisa a ver com a da minha mãe...
    Um grande abraço!!!
    Visite o meu blog e veja minha Mamãe e meu Papai...

    ResponderExcluir
  10. Ola Terezinha!!!!!!!!!!
    Achei muito legal o teu blog.
    Nos somos quase vizinha.eu sou de Assis Chat. e tinha uns amigos que tem umas fazenda em saLtinho e sempre que iamos la passavamos por Alto Piquiri,e paravamos para tomar uns sorvetes cada dia em um lugar diferentes,era maravilhoso....Sera que te conheço pessoalmente......Bjos

    ResponderExcluir
  11. Dasnudes

    Provavelmente não nos conhecemos, mas podemos nos conhecer. Quando passar por Alto Piquiri, me pocure, é fácil me encontrar, pois sou moradora antiga.

    Bjos

    ResponderExcluir
  12. Terezinha,
    Morei em Assis Chateaubriand de 1963 a 2006...
    Agora estou longe, mas gostei muito de ver um blog de Alto Piquiri e acima de tudo, de ver o bordado feito pela sua mãe. Lindo, principalmente por ter uma linda história a acompanhá-lo. Continue a nos presentar com lindas imagens e textos.
    Um grande abraço de Maria Filomena

    ResponderExcluir

Related Posts with Thumbnails